Compartilhar

A verdade sobre o óleo de coco

O modismo criado ao redor do óleo de coco não tem comprovação de benefícios até o momento, podendo causar até problemas de saúde, dependendo da quantidade utilizada e frequência

Muito se tem falado na mídia sobre as vantagens do óleo de coco, vários famosos estimulam seu consumo, assim como uma diversidade de receitas em programas de TV e canais de Internet incentivam o uso e por aí vai. Estamos vivendo uma verdadeira febre sobre o óleo de coco. Porém várias sociedades médicas já se posicionaram contra os supostos benefícios decretados por seus consumidores.   Ele não emagrece, nem acelera o metabolismo, ou favorece a função cerebral. Os tipos de gorduras presentes no óleo de coco sabidamente aumentam o LDL (o colesterol ruim) que está relacionado a um aumento do risco de infarto e derrame, de acordo com os estudos de longo prazo presentes na literatura médica.   O óleo que está associado a benefícios à saúde, juntamente com uma dieta rica em frutas, legumes e frutos do mar, é o azeite de oliva. Conhecida como mediterrânea, esta dieta tem relação direta com a longevidade.   O modismo criado ao redor do óleo de coco não tem comprovação de benefícios até o momento, podendo causar até problemas de saúde, dependendo da quantidade utilizada e frequência. Minha recomendação é evitar seu consumo e preferir o azeite de oliva com moderação, já que todos os óleos são ricos em calorias.  

Comentários