Compartilhar

Quais cuidados podemos ter para manter nossa saúde mental?

Com simples hábitos é possível manter a mente saudável. Saiba quais são eles.

Ter uma vida feliz e longe das tensões do dia a dia é o desejo de muitas pessoas. Para isso, é comum começarmos com mudanças em nosso próprio estilo de vida. O que poucas pessoas sabem, no entanto, é que somente um corpo saudável não proporciona a sensação de equilíbrio e bem-estar e, por isso, cuidar da mente também é fundamental. Quando o cérebro está em equilíbrio com o restante do corpo, a tendência é ter uma rotina muito mais leve, tranquila e feliz, já que a nossa mente influencia diretamente nosso dia a dia. Com isso em vista, confira dicas que podem ajudar a manter nossa saúde mental em dia, trazendo mais tranquilidade para a rotina.

Qual a importância de manter nossa saúde mental

Antes de listarmos as dicas para ter uma mente equilibrada, é importante entender a importância de cuidar da nossa saúde mental. Pois bem, ter a mente saudável é essencial para o bem-estar, além de refletir positivamente em muitos outros aspectos da vida, como no convívio com a família, amigos e relações sociais, além de contribuir com a vida profissional. A ansiedade, o estresse e os dias cheios podem trazer desânimo e, por isso, ter equilíbrio é uma tarefa que exige dedicação, principalmente quando se trata de mudar hábitos. Ter força de vontade e postura positiva frente às mudanças também é algo que pode ajudar a manter nossa saúde mental. Abaixo, listamos os principais hábitos para manter a mente saudável!

Como cuidar da saúde mental

Tenha uma alimentação saudável e equilibrada

Alimentar-se bem é um dos primeiros passos para manter nossa saúde mental em dia. Afinal, a carência de alguns nutrientes prejudica o desenvolvimento e a manutenção das funções cerebrais. Sendo assim, aposte em refeições ricas em proteínas e vitaminas. Existem diversos alimentos que fazem bem ao cérebro. O abacate, por exemplo, possui propriedades antioxidantes que ajudam a prevenir o envelhecimento. Ele também contém ômega-3, ótimo para combater o desgaste do cérebro. O brócolis também conta com nutrientes que ajudam na saúde do órgão, contribuindo com a boa memória. O tomate possui licopeno, com propriedades antioxidantes que combatem o envelhecimento das células, ajudando a proteger o organismo de diversas doenças. O azeite de oliva, o cacau, a semente de chia e diversos outros alimentos também possuem a capacidade de melhorar e manter as funções do cérebro, então, incluir essas opções no cardápio é sempre benéfico para a saúde.

Pratique exercícios que estimulam o cérebro

Os exercícios que estimulam o cérebro são essenciais para evitar a perda de neurônios e melhorar a capacidade de memória e aprendizado. Bons exemplos são jogos de memória e de raciocínio, como quebra-cabeças e testes lógicos. As atividades físicas também são importantes. Muitas pessoas pensam que, ao praticar um exercício, somente o corpo é beneficiado, como coração, pulmões, entre outros. No entanto, cada execução de movimento é comandada pelo cérebro, que envia estímulos o tempo inteiro para os músculos. Exemplos de atividades físicas que estimulam a mente são a corrida, o vôlei e o basquete.

Controle as emoções e mantenha o pensamento positivo

Um dos maiores inimigos do nosso cérebro é o pensamento negativo. Apesar de parecer difícil controlar as emoções e cultivar o pensamento positivo, existe uma maneira bem interessante de manter a positividade: sempre que pensamentos ruins surgirem, questione a si mesmo sobre como você se sente em relação a eles e transforme a forma de encará-los. Quanto às emoções, respirar fundo antes de falar ou agir é sempre a melhor escolha. Contar até dez, controlar a respiração e fechar os olhos também são boas atitudes.

Viva momentos de lazer para afastar o estresse

Dar espaço aos pequenos ou grandes prazeres é um excelente motivador para manter nossa saúde mental. Por isso, é muito importante respeitar os próprios desejos e fazer aquilo que mais gosta. Com a correria diária, é comum pensarmos que os momentos de lazer são somente aqueles em que saímos completamente da rotina. No entanto, tente encontrá-los em todas as horas do dia, ouvindo uma música, descansando por alguns minutos ou até mesmo aprendendo algo novo. Não tenha dúvida: fazer algo prazeroso também é uma excelente forma de deixar o estresse de lado e sempre preservar bons pensamentos.

Cuide do seu sono e das suas horas de descanso

A rotina é quase sempre a maior responsável pelo estilo de vida que não é saudável. Mesmo tendo todas as suas obrigações diárias, é essencial respeitar o seu corpo e a sua mente. Por esse motivo, cuide de seu sono e dê à sua vida as horas necessárias para descansar e se desconectar do mundo. Se você sofre com problemas para dormir, qualquer estímulo pode fazer com que seu cérebro desperte. Apague todas as luzes que podem incomodar e, se o barulho te atrapalha, considere usar tampões de ouvido. Uma dica é, antes de dormir, criar hábitos que avisem seu corpo que logo você irá se deitar. Por exemplo, tome um banho quente, um chá ou leia um livro… Com uma rotina de ações, o cérebro entende que está na hora de reduzir suas atividades e se preparar para o sono. Uma prática que pode dificultar o sono é utilizar o celular na cama. A luz emitida pelo aparelho pode atrapalhar a produção de melatonina, hormônio que induz o sono e que tem sua produção reduzida com estímulo de luz. Por isso, o ideal é não verificar o celular muitas vezes durante a noite e evitá-lo na última hora antes de dormir.

Evite o uso excessivo de celular

O uso contínuo e excessivo do celular pode atrapalhar todo o seu dia. Passar muito tempo com o celular na mão pode fazer com que o sentimento de improdutividade esteja sempre presente, o que causa desânimo e preocupação sobre o que deveria ter sido feito. Além disso, é normal que, ao ver os triunfos de outras pessoas nas redes, você se compare a elas, criando sentimento de inferioridade. Dependendo da quantidade de tempo passado no celular, o uso pode ser entendido até mesmo como um vício, quando atrapalha os relacionamentos e até a vida profissional. As dicas aqui são controlar melhor o uso do aparelho:
  • desative as notificações do aparelho: isso evita a ansiedade de ver sempre o que está acontecendo;
  • delimite um tempo máximo de uso por dia: evite burlar essa regra e divida o tempo em vários momentos para responder mensagens e falar com amigos;
  • reserve um momento do dia apenas para ver as redes: não precisa abandonar todas as redes sociais para viver melhor. Que tal delimitar um momento do dia para ficar a par do que está acontecendo?

Organize o seu dia a dia

Para quem tem a rotina agitada e com muitos afazeres, ter organização é um desafio. Acontece que, muitas vezes, frustrações e decepções são geradas pela falta de organização da própria rotina. Você pode priorizar as tarefas e atividades que podem ser feitas naquele dia, evitando que o acúmulo de responsabilidade deixe atividades inacabadas. Também pode criar uma planilha de responsabilidades, anotando tudo o que precisa ser feito naquela semana e os prazos que devem ser cumpridos. Essa é uma maneira eficiente de evitar o famoso “abraçar o mundo com as pernas”, que acaba atrapalhando o dia a dia e fazendo mal para o corpo e para a mente.

Fuja da procrastinação

Procrastinar é, basicamente, deixar para depois alguma tarefa que poderia ser realizada naquele momento. Os motivos podem ser variados, como ter dúvidas sobre como realizá-la, seu alto nível de dificuldade ou sua complexidade. A procrastinação também leva ao sentimento de improdutividade, além de causar uma ansiedade que pode durar dias, levando até mesmo a problemas de sono. Para evitar a procrastinação, uma dica é dividir a atividade que deve ser feita em pequenos passos. Assim, a tarefa será concluída aos poucos, fazendo com que seu dia seja produtivo e sua noite de sono mais tranquila.

Aproveite a sua própria companhia

Gostar de companhia é algo natural do ser humano, afinal, somos seres sociais. Entretanto, é preciso evitar a dependência da presença de outra pessoa para realizar todas as atividades do dia a dia já que isso também causa ansiedade e pode ser um vilão da sua saúde mental. Por isso, tenha o hábito de realizar atividades sozinho, tentando aproveitar de verdade sua própria companhia. Almoce sozinho, pratique um esporte ou mantenha algum hobby. Tenha esse momento para realizar algo que seja bom para você e que não necessite de apoio de outras pessoas.

Converse sobre seus sentimentos

Nem sempre é fácil, mas falar sobre o que sentimos é uma das principais tarefas para manter nossa saúde mental. Abrir-se com cônjuges, amigos e familiares já é um grande passo caso você não tenha o costume de falar sobre o que sente. Divida seus medos e busque ouvir quem está vendo a situação de fora. Isso pode, inclusive, fortalecer seus relacionamentos, o que por si só já traz grandes benefícios à saúde mental. Mas, caso sinta necessidade, procure profissionais qualificados para ouvir seus sentimentos e ajudar a entendê-los. Com essas dicas, manter nossa saúde mental pode ser uma tarefa mais fácil, mas é necessário sempre reavaliar nossos incômodos e dificuldades para buscar uma melhor qualidade de vida. Para saber mais formas de ter uma mente saudável e tranquila, acompanhe nossas redes sociais! Estamos no Facebook e no Instagram!

Comentários